nirvana my girl

Loading...

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013




Eu desejo para tua vida, a pureza do sorriso de uma criança 
Eu desejo a beleza de uma linda manhã de sol 
Eu desejo o frescor de uma pele de banho tomado e o sabor de um beijo bem dado.. 
Em 2008, Eu desejo uma sorte de bênçãos que seja tão imensa, que não consigas se conter... 
Eu desejo a presença constante de Deus no seu dia-a-dia! Eu desejo o milagre da fé, a força da oração... 
Eu desejo as grandes realizações... das coisas grandes e pequenas... 
Eu desejo a sensibilidade, a emoção com as pequenas grandes coisas da vida! 
Eu desejo a doçura da poesia e a suavidade de uma canção. 
Eu desejo que você só deseje coisas boas paras pessoas ao seu redor. 
Desejo que em seu coração, não haja espaço para orgulho,inveja, rancor e vingança. 
Desejo que não faças tempestades em copo da água... 
Desejo que reencontre todas as virtudes que sei que possuis, mas que acabastes perdendo ao longo da vida... Desejo-te todas as coisas boas possíveis... O melhor do melhor! 
O melhor de Deus!  
Então a todos, além de te desejar tudo isso, quero também agradecer por mais um ano que tornaram a minha vida mais bela, com o calor da vossa amizade! 
Feliz ano novo...

domingo, 22 de dezembro de 2013

Alma Gémea !






Um dia, no silêncio da rede,
minha alma encontrou outra,
que divagava, quem sabe
à procura da minha...
só sei que, em pouco tempo,
nossas almas se reconheceram
e descobriram que nunca mais
poderiam se separar...
Pois uma havia sido enviada
à outra como um presente
Um presente divino
Que Deus, em sua infinita
bondade, nos enviou
Posso falar com toda certeza,
que uma alma não vive sem a outra,
são almas irmãs, irmãs de alma,
irmãs de coração , irmãs de LUZ...
Almas gêmeas que tiveram
a felicidade de se encontrar
e se reconhecer...
Te amo, minha alma gêmea,
você é, com certeza o Ser Especial
que ilumina minha vida....

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Mensagem de Natal !





Neste Natal eu desejo que a "Paz e a Harmonia" encontre moradia em todos os corações.

Que a Esperança seja um sentimento constante em cada ser que habita este planeta.

Desejo que o Amor e a Amizade prevaleça acima de todas as coisas materiais.

Que as Tristezas ou Mágoas, sejam banidas dos corações, dando lugar apenas ao Carinho.

Que a "Dor do Amor", encontre o remédio em outro Amor.

Que a "Dor Física", seja amenizada e que Deus esteja ao lado de todos, dando muita força, fé e resignação.

Que a Solidão seja Extinta, e no seu lugar se instale a Amizade Verdadeira, e o Companheirismo.

Que as pessoas procurem olhar mais a sua "Volta", e não tanto para "Si" mesma.

Que a Humildade e o Respeito residam na Alma e no Coração de todos.
"Que saibamos Amar e Respeitar o Próximo como a nós mesmos".

Desejo também que meu pedido se realize não só neste Natal, mas em todos os dias de nossas vidas!

Desejo à você,

UM FELIZ NATAL

E UM ANO NOVO CHEIO DE REALIZAÇÕES


Enquanto houver um sorriso de simpatia, uma palavra de carinho,um pequeno gesto de amor, sempre existirá o Natal.

sábado, 7 de dezembro de 2013

Um Beijo para recordar!



Procurei um lugar ao sol
Mas não o consegui encontrar
E então ao fundo eu vi-te
E soube que era o lugar ideal para ficar

Para te abraçar digo-te bom dia
E foco-me no teu belo olhar
E tu tímida ficas a sorrir
E nota-se um ligeiro corar

E como um feitiço delicado
Os nossos braços se parecem unir
Uma força que nos impeliu
E nos fez juntos sentir

E com o sol a nos aquecer
Nada conseguimos falar
Pois nos aproximamos tanto
Que os nossos lábios se começam a tocar

E o vento sopra de mansinho
Como a querer nos refrescar
E dos lábios se faz um beijo
Tão doce que sempre se irá recordar

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

A força do Amor!



O amor é a grande força que movimenta o planeta e todo o Universo e precisamos dele para continuarmos acreditando na vida, nas pessoas e na própria continuidade da raça humana, afinal sem amor, somos como bonecos de cera, vazios e sem vida, ou como carros descontrolados que não chegam a lugar nenhum.

      Sem amor o homem perderia a noção de tempo, não criaria nada para o progresso e ficaria preso as suas próprias limitações, afinal de contas lutar para que, se não tivéssemos o prazer de mostrar as nossas obras para quem "amamos"?


      Mas, o amor é uma semente que se planta e necessita de cuidados diários, como tudo na natureza que precisa de atenção, o amor é feito de pequenos gestos, de gentilezas, de diálogo e atenção. O amor, ao contrário do que muita gente pensa, não precisa de efeitos pirotécnicos, nem de helicópteros jogando pétalas de rosas, as vezes um pequeno bilhetinho em um papel de lanchonete é mais sincero e mais recheado de emoções que um caminhão de flores belas e vazias de sentimentos.


O amor se alimenta de emoções e de verdades, não aceita intrigas e nem mentiras, morre se fica afastado por muito tempo da sua fonte, por isso a distância é terrível inimiga do amor duradouro. Amor quando dói não é amor, é orgulho ferido, é paixão mal resolvida, é tudo menos amor, porque amor mesmo é fonte de alegrias. 

      Amor é riso de criança e não precisa de motivos, amor é mais do que uma relação "carnal", amor é pele, cheiro, alma e cumplicidade, e é justo na cumplicidade que o amor se define como a fonte de nossas realizações e necessidades.


      Com certeza você se apaixonará várias vezes na sua vida, mas um cúmplice de seu coração, aquela pessoa que entende até o olhar que você não deu, aquela pessoa que ao tocar em seu braço te transmite toda a segurança que você precisa e que sabe tudo o que te faz feliz na mesa, na cama e na rua, esse só vai te visitar uma única vez, e para que isso aconteça é preciso que haja um envolvimento sem medos e sem aquela ansiedade que a paixão nos causa.


      O amor é experiência, e experiência não se compra pronto nos mercados da vida, nem se adquire em horas de bate-papo via Internet, é preciso conviver, se relacionar, se entregar e principalmente; arriscar-se, não ter medo de ser feliz, mesmo que nos custe algumas decepções, afinal de contas, o amor sempre vale a pena.

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Amor!




Não há sentimento mais belo que o amor, quando verdadeiro o amor consegue vencer todas as barreiras, todas as dificuldades. Ele permanece forte e inabalado diante das intempéries da vida.

O amor é um sentimento que nos alimenta, ao contrário da paixão que nos consome por dentro e apesar de forte não dura muito.

É verdade que temos nossos momentos de fragilidade, nossas discussões, mas sempre conseguimos superar todos esses percalços que se apresentaram no nosso caminho, e no fim, acabamos saindo com um sentimento mais forte, mais sólido e com raízes mais profundas.

Um amor, baseado na confiança, no respeito mútuo, na amizade e, é claro, no desejo, tem tudo para dar certo e continuar vivo por muitos e muitos anos.

Onde existe amor nada pode impedir a felicidade, pois esta é poder amar e ser amado.

Não basta saber que e amado, Nem só desejar o amor.
E preciso desejar ter a companhia, Ter na boca a doçura do seu beijo.

Dias lindos viram, noites escuras passaram, mais para sempre terás o meu coração.

"Sorria um para o outro, sorria para a sua esposa, sorria para o seu marido, sorria para o seus filhos, sorria um para o outro - não importa quem seja - e isso ajudará a crescer um amor de um pelo outro."
Madre Teresa de Calcutá

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

O que e o Amor!




Numa sala de aula, haviam várias crianças. Quando uma delas perguntou à professora: 
- "O que é o amor"?

A professora sentiu que a criança merecia uma resposta à altura da pergunta inteligente que fizera. Como já estava na hora do recreio, pediu para que cada aluno desse uma volta pelo pátio da escola e trouxesse o que mais despertasse nele o sentimento de amor.

As crianças saíram apressadas e ao voltarem, a professora disse: - 

"Cada um mostre o que trouxe consigo."

A primeira criança disse: - "Eu trouxe esta flor, não é linda?"
A segunda criança falou: - "Eu trouxe esta borboleta. Veja o colorido de suas asas, vou colocá-la em minha colecção."

A terceira criança completou: "Eu trouxe este filhote de passarinho. Ele havia caí¬do do ninho."
Terminada a exposição, a professora notou que havia uma criança que tinha ficado quieta o tempo todo. Ela estava vermelha de vergonha, pois nada havia trazido. A professora se dirigiu a ela, e perguntou: 
- Meu bem, por que você nada trouxe?

E a criança timidamente respondeu: - Desculpe, professora. Vi a flor e senti o seu perfume. Pensei em arrancá-la, mas preferi deixá-la para que seu perfume exalasse por mais tempo.
Vi também a borboleta, leve, colorida! Ela parecia tão feliz que não tive coragem de aprisioná-la. Vi também o passarinho caí¬do entre as folhas, mas, ao subir na árvore, notei o olhar triste de sua mãe e preferi devolvê-lo ao ninho.

Trago comigo o perfume da flor, a sensação de liberdade da borboleta e a gratidão que senti nos olhos da mãe do passarinho. Como posso mostrar o que trouxe?
A professora agradeceu à criança e lhe deu nota máxima, pois ela fora a única que percebera que só podemos trazer o amor no "coração"!